O Vigia da Noite

Até a blogolândia pode e deve ser analisável... Armado do meu mestrado em crítica construtiva aplicada e do meu doutoramento em análise legítima da blogosfera, espero poder contar convosco para concordar e discordar das minhas opiniões sobre tudo o que de tão diferente por aí anda a vogar...

1.1.06

Indecências sem acentos nem reflexos


Género: humor fácil, com recurso a muito calão.


Desde: 7 de Janeiro de 2003.


Autor: Dadinho Teixeira da Cunha.


Actualizações: Inexistentes desde Junho passado.




Há casos e casos e casos de fraco gosto na blogolândia. Este Indecências sem acentos nem reflexos, cuja palavra de ordem é feito de buracos e vários géneros de aberturas fáceis é um deles. O humor é sempre bem vindo e tem muitos clientes. Mas há que saber fazê-lo. Não se trata aqui de censurar o trabalho de alguém por o considerar políticamente incorrecto. O politicamente incorrecto pode ser altamente justificável... O que não deve é ser gratuito, deve conter uma intenção construtiva, sob pena de estarmos meramente a gastar banda de internet numa espécie de masturbação inconsequente. Do início ao fim, o humor deste blog é conseguido graças à utilização exagerada de calão e, nas entrelinhas, diferentes tipos de preconceitos e ideias feitas. Um dos posts mais inócuos deste blog reza assim: Rapaziada oiçam bem o que lhes digo/E gritem todos comigo/Viva ao (sic) Sporting! Quem é que tem a lata, como soe dizer-se, de ocupar um espaço para simplesmente atirar um urro quando a blogolândia pode constituir um espaço privilegiado de divulgação e debate de ideias? Além de que acho sempre lastimável alguém pretender tornar públicos os seus escritos quando não sabe, de facto, escrever... Que diabo está ali a fazer este Viva ao Sporting?
Convido-vos a visitarem este espaço com a mera finalidade didáctica de entenderem como um blog (apesar de suficientemente ilustrado, frequentemente e mais uma vez à base do mau gosto) não deve ser feito. Some-se a tudo a pimbalhada musical estrangeira que surge mal se chega ao blog, sem hipótese, portanto, de escolher o silêncio a não ser a posteriori, e o layout amarelo e básico do produto e cá temos o produto didáctico perfeito...

Classificação: = Fracote.

search marketing sydney
search marketing sydney Counter